TOTVS

Relações com Investidores

Comitê de Gente e Remuneração

Membros do Comitê

Nome Posição
Sylvia de Souza Leão Wanderley Coordenadora

A Sra. Sylvia Leão atuou por mais de 30 anos no mercado de Varejo, com passagem pelo Walmart Brasil (1995-2000), Grupo Pão de Açúcar (2000 a 2012) e Carrefour (2015 a 2018), onde ocupou posições de Vice-Presidente nas áreas de Marketing, Comercial, Operações e Recursos Humanos. Também atuou como Vice-Presidente de Marketing e Inovação na BRF, no período de 2013 a 2014. Atualmente é Membro do Conselho de Administração da Sodimac Brasil, empresa do Grupo Falabella e da Mendelics. Graduada em Comunicação Social, com MBA Executivo em Administração no COPPEAD- UFRJ e cursos de especialização no MIT – Massachusetts Institute of Technology – Sloan School of Management e Fundação Dom Cabral.

Eduardo Mazzilli de Vassimon Membro do Comitê

Formado em Economia pela Faculdade de Economia da Universidade de São Paulo – USP e em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas, ambas concluídas em 1980, e pós-graduado pela EAESP/FGV e pela École dês Hautes Études Commerciales – França, ambas em 1982. Desde 2015, é membro do Conselho de Administração da B3 – Brasil, Bolsa, Balcão. Foi Presidente do Itaú BBA e Diretor Geral da Área de Atacado do Itaú-Unibanco de 2016 a 2018; Vice Presidente Executivo, CFO e CRO – Itaú Unibanco S.A. de 2015 a 2016; Vice-Presidente Executivo e CRO – Itaú Unibanco S.A. de 2013 a 2015; Membro do Conselho de Administração – Banco Itaú BBA S.A. de 2003 a 2015; Conselheiro do Santos Futebol Clube de 2009 a 2013; Sócio-gestor do Fundo Pitanga (“venture capital”) de 2011 a 2013; e Vice-Presidente da Fundação Bienal de São Paulo de 2009 a 2013.

Mauro Gentile Rodrigues da Cunha Membro do Comitê

O Sr. Mauro Rodrigues da Cunha é presidente da Associação de Investidores no Mercado de Capitais – Amec desde 2012. Antes disso, atuou como gestor e analista de investimentos em várias instituições tais como Opus, Franklin Templeton, Bradesco Templeton, Investidor Profissional, Morgan Stanley Asset Management, Deutsche Morgan Grenfell, Bank of America Latin American Private Equity Group e Banco Pactual. Especialista em investimentos e governança corporativa, atua em conselhos de empresas brasileiras desde 1999, sendo hoje membro do conselho de administração da Totvs e Eletrobras, coordenador do comitê de pessoas e remuneração da BR Malls e coordenador do conselho consultivo da secretaria municial de gestão de São Paulo. Foi presidente do conselho do IBGC entre 2008 e 2009.

O Comitê de Gente e Remuneração será composto  por, no mínimo, 3 (três) membros, todos conselheiros, e ao menos 2 (dois) deles devem ser independentes.

São atribuições do Comitê de Gente e Remuneração:

(i) Examinar candidatos a serem nomeados para a Diretoria da Companhia, conforme indicação do Diretor Executivo Chefe, submetendo sua recomendação ao Conselho de Administração para a respectiva eleição;

(ii) Apresentar ao Conselho proposta de distribuição da remuneração global anual entre os Diretores e os Conselheiros, baseando-se em padrões praticados no mercado de tecnologia da informação, bem como acompanhar o pagamento da remuneração e, no caso desta não acompanhar os padrões praticados no mercado de tecnologia da informação, comunicar ao Conselho;

(iii) Opinar sobre a outorga de opção de compra ou subscrição de ações aos Administradores e Empregados da Companhia;

(iv) Opinar sobre a participação dos Diretores e Empregados da Companhia nos lucros;

(v) Examinar os métodos de recrutamento e contratação adotados pela Companhia e por suas controladas, mediante utilização de parâmetro de companhias brasileiras similares;

(vi) Identificar, na Companhia e em suas controladas, potenciais futuros líderes para Companhia e acompanhar o desenvolvimento das suas respectivas carreiras;

(vii) Acompanhar a elaboração e implementação de um plano de sucessão de executivos da Companhia, com o objetivo de assegurar que a gestão disponha de profissionais para a contratação ou promoção, cuja experiência profissional e competências contribuam para o bom desempenho e para a preservação de valor da Companhia, mantendo o referido plano sempre atualizado para o acompanhamento periódico pelo Conselho, sendo que o plano de sucessão do Diretor Presidente será acompanhado pelo Presidente do Conselho;

(viii) Acompanhar o processo de avaliação anual dos executivos da Companhia, com base na verificação do atingimento das metas de desempenho, financeiras e não financeiras (incluindo aspectos ambientais, sociais e de governança), alinhadas com os valores e princípios éticos da Companhia;

(ix) Propor a forma de divulgação da remuneração dos Administradores na Proposta da Administração à Assembleia Geral e no Formulário de Referência; e

(x) Proceder à autoavaliação de suas atividades e identificar possibilidades de melhorias na forma de sua atuação.

Última atualização em 5 de maio de 2020
Fechar